Loading...

Atrair mais clientes para seu site, como você já percebeu, não é uma tarefa tão simples assim. É preciso dedicar um certo tempo para a elaboração de estratégias, pesquisas de mercado e análise de concorrência, certo?

Contudo, existem uma infinidade de estratégias a serem aplicadas de acordo com os objetivos e a realidade de cada empresa. Pensando nisso, elaboramos o post de hoje! Aqui, apresentaremos quatro estratégias para todos as metas e bolsos. Confira!

  • Estratégia 1: SEO

  • Nível de dificuldade: Alto
  • Custo: Baixo
  • Tempo para obter retorno: Longo prazo
  • Qualidade do tráfego: Alta

O Search Engine Optimization, ou Otimização para Mecanismos de Busca, é uma técnica que consiste em alinhar o seu site ao manual de boas práticas dos motores de busca, como o Google e o Bing, a fim de conseguir um melhor ranqueamento orgânico.

Ao desenvolver o SEO de seu site, ele ficará mais visível e, consequentemente, atrairá mais visitantes. Mas não se engane! Essa é uma estratégia de longo prazo, logo, os resultados não virão do dia para a noite.

Outro ponto fundamental a ser levado em consideração é o alto nível de complexidade que essa estratégia demanda, ou seja, nada de deixar seu site na mão de amadores, caso contrário, os resultados podem não vir.

  • Estratégia 2: Inbound Marketing

  • Nível de dificuldade: Moderado
  • Custo: Moderado
  • Tempo para obter retorno: Longo prazo
  • Qualidade do tráfego: Alta

O inbound marketing consiste em uma estratégia de atração permissiva, ou seja, você faz com que o cliente vá atrás de sua empresa, e não o contrário como nas estratégias de marketing tradicionais.

Para desenvolver o inbound marketing é preciso desenvolver as suas personas (representação fictícia do cliente ideal), compreender a fundo suas dores e necessidades para oferecer materiais ricos e de relevância para eles.

Também é preciso ter definido um fluxo de nutrição e um funil de vendas, pois é somente dessa maneira que você será capaz de identificar seus leads e trabalhar em cima deles para convertê-los em clientes.

É preciso frisar que, para que essa estratégia funcione da maneira esperada, é preciso investir em uma boa construção de seu site e/ou blog e elaborar ações que diferenciem sua empresa de seus concorrentes.

  • Estratégia 3: Mídias Sociais

  • Nível de dificuldade: Baixo
  • Custo: Moderado para alto
  • Tempo para obter retorno: Médio prazo
  • Qualidade do tráfego: Moderada

Atualmente, muitas empresas optam por estar presentes nas redes sociais, afinal “o artista vai onde o povo está”. A principal dificuldade é entender como essas redes funcionam e quais são seus objetivos.

Para exemplificar, podemos pegar o LinkedIn e o Facebook. Duas redes muito parecidas na questão de estrutura, mas muito diferentes em seus objetivos. No primeiro, o objetivo é desenvolver contatos profissionais e o foco é estritamente corporativo. Já o segundo tem um cunho simplesmente social e recreativo.

Entender o perfil de cada rede, dos usuários e os seus comportamentos dentro de cada uma delas é a chave para o sucesso.

Nelas, ainda é possível investir dinheiro para impulsionar publicações para um determinado tipo de público, garantindo que a mensagem seja entregue a quem realmente interessa e atraindo-os para seu site. Mas como nem tudo são flores, esses valores, muitas vezes, podem ser altos.

  • Estratégia 4: PPC

  • Nível de dificuldade: Moderada
  • Custo: Moderado para alto
  • Tempo para obter retorno: Curto prazo
  • Qualidade do tráfego: Alta

O Pay-per-click, em português, pagamento por clique, é uma estratégia que, apesar de estranhar a nomenclatura, já ouviu muito sobre ela. Aqui, falaremos sobre as campanhas realizadas no Google Ads.

Para elaborar uma estratégia de PPC de alta qualidade e com bons retornos, é preciso definir boas palavras-chave para ela e, adivinhem só, ter um bom SEO. Você deve estar se perguntando: “Mas o SEO não é para tráfego orgânico?”. A resposta é não.

O SEO integra grande parte das estratégias para atrair mais visitantes. No caso de campanhas PPC, ele colabora na redução dos custos envolvidos nessa estratégia. Para que você compreenda como ela funciona, vamos a um pequeno resumo:

  • você define as palavras-chave que irão compor seus grupos de anúncio e define um valor de lance;
  • toda vez que um usuário realiza uma busca no Google com uma dessas palavras, acontece uma espécie de leilão para compor o ranqueamento, mas o valor não é o único critério;
  • para definir as posições dos resultados, o Google avalia três fatores principais: relevância, experiência e, claro, valor de lance;
  • quanto maiores forem os índices de relevância e experiência, menor será o custo da palavra-chave.

A maior vantagem desse tipo de estratégia é a velocidade com que os resultados chegam. Para se ter uma ideia, se você começar uma campanha agora, em poucos dias você já começará a ter um retorno, mas só se a estratégia estiver bem definida.

Como vimos, atrair clientes para o seu site é algo que requer uma boa dose de planejamento e estudo, mas nem de longe, é algo impossível de ser alcançado. Utilizando as estratégias que apresentamos, sem dúvidas, seu número de visitas decolará!

Não sabe se seu site está preparado para essas estratégias? Avalie como estão itens importantes para o índice de qualidade do Google com a ferramenta gratuita da Adwizard!

Testar agora
Avalie a saúde da sua campanha
2019-01-07T18:04:00+00:00
o-que-devo-fazer-para-atrair-mais-trfego-para-o-meu-site